terça-feira, 31 de março de 2009

20 anos de Web

Pouca gente sabe, mas a WWW (World Wide Web), ou simplesmente Web, arquitetura padrão que deu origem à rede mundial de computadores (internet), foi criada há 20 anos, em um acelerador de partículas, no CERN (Centro Europeu de Pesquisas Nucleares), na Suíça, quando estavam sendo feitas as pesquisas sobre o LEP, acelerador anterior ao atual LHC.

Há exatamente 20 anos, Tim Berners-Lee, engenheiro do CERN, enviou um documento ao seu supervisor Mike Sendall intitulado "Gerenciamento de Informação: uma Proposta". Ao ler o documento, Sendall o descreveu como "vago porém excitante", e deu seu aval para que Berners-Lee continuasse com a pesquisa. No ano seguinte, o fruto da idéia gerou a World Wide Web, e nasceu a internet, que funcionava apenas no âmbito acadêmico, e hoje faz parte do dia a dia de boa parte dos seres humanos.

Berners-Lee nasceu em Londres, Inglaterra e frequentou a Emanuel School em Wandsworth. Ele é um ex-aluno do Queen's College da Universidade de Oxford, onde construiu um computador de maneira revolucionária, que incluía ferro, um processador M6800, uma televisão velha, entre outras coisas. Foi também em Oxford que foi encontrado a hackear com um amigo e foi banido de usar o computador da universidade. Recentemente, Tim Berners-Lee foi considerado um dos maiores gênios vivos do mundo, segundo o levantamento "Top100 Living Geniuses", da consultoria Creators Synectics.

O primeiro website (sítio) que Tim Berners-Lee construiu - inicialmente unicamente com página de texto - foi no CERN e foi colocada online em 7 de agosto de 1991. Oferecia uma explicação sobre o que a World Wide Web era, como alguém poderia criar um navegador, como instalar e configurar um servidor web, e assim por diante. Foi também o primeiro diretório online do mundo, já que Berners-Lee depois fez uma lista de outras páginas de Internet que existiam na época.

Mais informações:

CERN
Wikipedia

domingo, 29 de março de 2009

Partículas quânticas e nós, os vegetais

Reino animal, vegetal, monera, etc, etc.

Nós fazemos parte, segundo a atual classificação biológica, do reino animal.

Uma coisa interessante na natureza é que alguns fenômenos quânticos (os de altas energias) ocorrem numa velocidade incrível. Todos muito próximos da velocidade da luz. O decaimento das partículas (isto é, a transformação da partícula em outra) ocorre em tempos rapidíssimos. Para se ter idéia, algumas partículas se transformam em

0,00000000000000000000001 segundos

Incrível, não é?

Para uma partícula destas, que vive tão pouco e viaja tão rápido, nós nos assemelharíamos a vegetais, a árvores, cujo processo de vida é enorme, e cujos movimentos são incrivelmente lentos.

Ok, mas uma partícula não tem vida. Mas, e se existissem seres que tivessem as mesmas características destas partículas? Seres rápidos, com ciclos de vida rápidos que durassem muito menos que um segundo. Para estes seres nós seríamos de fato árvores.

Para estes seres, nossas flores seriam nosso sistema reprodutor (i.e. nosso sexo, o pênis e a vagina), assim como nas árvores e plantas que conhecemos. Ou seja, para eles, o sexo não seria algo sujo, mas lindíssimo como flores. Nossa pele e nossa roupa seria como a casca das árvores que mudam de quando em quando.

Essa ideia não é tão minha assim. Lembro que em um episódio de Jornada nas Estrelas, naquela série antiga, a nave Enterprise é invadida por seres tão rápidos que ninguém consegue enxergar.

Também, H. G. Wells, numa de suas obras de ficção científica, fala de uma experiência em que um humano cai no mundo dos elétrons, e passa toda a sua vida em apenas um segundo.

Ficção, ficção. Suposições, suposições.

Que nossas suposições nunca se transformem em religião. É o que desejo pelos secula seculorum de nós, os vegetais quânticos. Amém.

De Gaúchos e Pernambucanos...

Os gaúchos e os pernambucanos são conhecidos no Brasil por historicamente serem os mais reclamões, revoltosos e rebeldes.

Quem não lembra da Revolução Farroupilha? E da Revolta dos Maragatos? Ambas as revoltas custaram perdas e danos ao Rio Grande do Sul na época do fim do império e início da república brasileira.

E quem não lembra da Revolução Praieira, da Revolução Pernambucana e da Confederação do Equador? Pernambuco perdeu metade, ou mais da metade do seu território por causa de tais movimentos... Tudo isso no comecinho do império brasileiro, onde Pedro I, no fantástico papel de Lord Sidious, com Caxias (tanto pai quanto filhos) naquele infame papel de Darth Vader.

De Bento Gonçalves no Sul e Frei Caneca no norte... O primeiro extremamente militarizado, o segundo Divinamente humanizado. Frei do Divino Amor. Bento Gonçalves hoje é nome de uma das principais cidades do Rio Grande do Sul, onde se produzem os melhores vinhos tintos do país. Frei Caneca... Bem, Frei Caneca é mais conhecido pela Rua Frei Caneca, em São Paulo e por um shopping... (Faça uma experiência: escreva o nome Frei Caneca no google e veja o que acontece.)

O fato é que Pernambuco sempre foi terra de latifundiário rico, que mandava seus filhos estudarem na Europa e voltavam mais conscientes, porém sempre defensores da classe rural... Mas foi um movimento bonito, aquele da Revolução Pernambucana, onde até mesmo os Estados Unidos (na época em que os EUA ainda eram idealistas...) deram apoio. Mas depois que tudo foi destroçado por D Pedro I, acho que o pernambucano acabou medroso, pouco exigente, nunca reclama de nada. E ninguém sabe o que foi a Revolução Pernambucana...

Já o gaúcho, comemora a Farroupilha como se fosse o Natal. Se orgulha do fato. E hoje é considerado o povo que mais recorre à justiça no país (vide matéria do UOL). De fato, gaúcho é aquele ser chato que reclama e vai à luta, feito argentino e francês, que vai às ruas quando o pão aumenta dez centavos. Se os direitos são de fato conquistados a partir de tal estratégia, só resta aplaudir.

Sou pernambucano, orgulhoso de meu estado. E aqui conclamo: pernambucanos, vamos erguer a bandeira da conscientização. Não precisa ter um partido específico para tal. Basta ter consciência do que ocorre ao redor. Queremos escolas mais sérias para nossas crianças, livrarias para nossos adultos. De restaurante bom, eu diria que Recife já está cheio... Não precisa mais... Do que adianta degustar bons vinhos e boas comidas quando existe um mar de gente pegando comida no lixo e se prostituindo no crime barato? (Crime barato, porque o crime caro de muitos de nossos políticos e empreiteiros nunca é punido com cadeia...) Até mesmo os ricos precisam de livros e educação: qual a faixa de pedestres que funciona no Recife? Toda vez precisa que alguém do detran, vestido de palhaço, faça o papel de babá!!!! (Um dia quase fui atropelado por uma Mercedez!!!!) E o que os ricos pernambucanos sabem sobre ética, filosofia moral e humanidade?
Saber sobre etiqueta francesa, guardanapos de pano, disposição de talheres, qualquer um, desde Joana Bezerra ao Coque é capaz de aprender facilmente!

Como parece que estou defendendo o gaúcho, deixe-me retificar. No Rio Grande do Sul vi muitas injustiças sociais, principalmente na Grande Porto Alegre: cidades como Canoas e Gravataí estão lotadas de traficantes de drogas e policiais corruptos. O Rio Grande do Sul está longe de ser as mil maravilhas. Naquele Estado, ainda não se vive qualidade de vida das melhores (Santa Catarina e Paraná certamente estão à frente). No entanto, existem pequenas cidades modelos no interior gaúcho que podem ser citadas como cidades do futuro: alguém aí já ouviu falar de Feliz? Cidade pequenina, alto idh, alto índice de alfabetização, cultura pululante. Sim, o fator imigração faz parte do melhoramento (italianos, alemães, etc), mas certamente há uma série de outros fatores a considerar.

domingo, 22 de março de 2009

Celebridade...

Nem quero dizer aqui o que eu acho do Marcelo D2. Mas destacando o lado bom das coisas, ele tem uma frase interessante que diz assim:

"Celebridade é um artista, artista que não faz arte."

Se tem alguém aí que aprendeu algo com o BBB, que atire o primeiro pensamento útil BBBniano.

Buraco no campo magnético

Uns meses atrás eu e um grande amigo, Filipe Luna, do programa Metrópolis da TV Cultura, estávamos conversando sobre o recente buraco no campo magnético da Terra, descoberto pela NASA. Depois de alguma discussão, fiquei um pouco apreensivo em divulgar o que aprendi sobre o assunto. Porque às vezes as pessoas acabam sempre interpretando para o lado "fim dos tempos", quando na verdade o buraco é apenas um fenômeno cíclico que ocorre de quando em quando. Pode causar estragos, mas nada que destrua a nossa virótica espécie...

Para começo de conversa, um dos principais grupos de estudo do Instituto de Pesquisas Espaciais (INPE) é o MAGHEL, que estuda a interação do campo magnético do sol com o campo magnético terrestre. Este grupo tem tentado se aprofundar na compreensão das consequências de tal interação magnética.

O fato é que a Terra possui um campo magnético (mais conhecido como magnetosfera). Este é formado principalmente por causa da rotação do núcleo de ferro quente no interior do nosso planeta. É a velha lei de Ampère: cargas em movimento criam um campo magnético.

A magnetosfera é importantíssima pois nos protege de partículas carregadas que vêm do sol (o fluxo destas partículas é geralmente chamado de vento solar). As partículas carregadas são capturadas pelo campo magnético terrestre e jogadas em direção aos polos magnéticos. Quando elas caem, provocam uma emissão de radiação na atmosfera, que todos conhecemos como auroras.

Da mesma forma, o sol também possui um campo magnético, que interage com o campo da Terra. Essa interação provoca o que é chamado de reconexão magnética, que pode provocar entre outras coisas, uma "rachadura" no campo magnético terrestre. O campo magnético do sol se reveste ao redor da magnetosfera, provocando a sua ruptura.

Em 2007, a NASA enviou uma missão para investigar o quão grande está a rachadura ou o buraco na magnetosfera. Os cinco satélites que compõem a missão, denominada de Themis, verificaram que o buraco é dez vezes maior do que se esperava. As primeiras medições ocorreram em junho de 2008.

O fato importante nessa história toda é que um buraco desta magnitude poderia deixar a superfície terrestre relativamente desprotegida caso ocorram tempestades solares. Por exemplo, durante uma tempestade solar, a Terra poderia sofrer uma enorme rajada de partículas carregadas capazes de colapsarem o sistema de geração e distribuição de energia, causando apagões em larga escala. Sem falar nos efeitos colaterais à saúde de pessoas e animais.

Atualmente, sem que a mídia ou seres mortais como nós percebamos, não só o MAGHEL, mas diversos centros ao redor do mundo, realizam diversos experimentos para dimensionarem o tamanho do estrago caso alguma tempestade solar aconteça.

Alcoólicos anônimos

É mais saudável beber um cálice de vinho do que um copo de refrigerante.

É mais saudável beber dois copos de coca-cola do que dois cálices de vinho.

(Bem... Para quem não me conhece, eu considero coca-cola o pior veneno já inventado pela humanidade...)

sábado, 21 de março de 2009

São Francisco nu...

E complementando aquilo que falei sobre a hipocrisia nua, hoje em dia, se S Francisco ousasse tirar a roupa, como tirou, seria autuado em flagrante, e responderia processo, preso, por violar o decoro... Valha-me meu São Junípero, tu, que ficaste completamente pelado durante uma missa, sabes muito bem o quanto nua está a decadente hipocrisia de nossos dias.

sábado, 14 de março de 2009

A hipocrisia nua

"A PM gastou o dinheiro do contribuinte e contribuiu para o aumento da poluição com o uso de carros e motos para acompanhar o evento que foi um sucesso", afirmou André Pasqualini.

André Pasqualini foi preso no ano passado por pedalar nu na avenida Paulista, durante um ato a favor do transporte limpo e da bicicleta em São Paulo. Hoje, o evento se repetiu, e André pedalou de sunga, porque o número de policiais militares era excessivo, prontos para prender qualquer um que se atrevesse a tirar a roupa.

Que mal tem em tirar a roupa em um protesto sadio? Por acaso haverá uma orgia devido à manifestação?

Há uma lei que diz que tirar a roupa em público é punido com prisão, já que é um crime de falta de decoro. Agora eu me pergunto: contratar serviços de engraxataria no Congresso Nacional, por 3 milhões de reais, com o meu, o nosso dinheiro, não seria um crime de falta de decoro muito maior?

A fumaça que sai de um carro, de uma fábrica, produz um impacto muito mais nocivo ao planeta Terra do que alguém que anda nu andando de bicicleta na avenida Paulista. Se eu tirar a roupa na frente da minha casa, em minutos eu serei preso. Se eu organizar um esquema de corrupção milionário para beneficiar aqueles que estão no poder, provavelmente eu nunca serei preso. Viva a falta de lógica!

Onde estão os policiais nas horas em que acontecem os crimes de verdade?

Valha-me Deus. Lei hipócrita e imbecil que prefere crimes de "mentirinha" aos escândalos corruptos que lesam milhares ou mesmo milhões e realimentam a situação miserável do nosso país!

A hipocrisia hoje, na avenida Paulista, estava nua. Predam-na por favor, gritou alguém. Como os hipócritas negaram até o fim que ela estava nua de verdade, todo mundo acreditou e ninguém foi preso...

Máquina de ler pensamento

"Os grandes poderosos estão tentando criar confusão. Investigadores passaram a ser investigados. Temos que rever esse estado de coisas e garantir punição daqueles que saquearam o nosso país e não julgar servidor público que cumpriu o seu dever." (Protogenes Queiroz)

Já pensou se alguém inventasse uma hipotética máquina de ler pensamentos? Provavelmente essa máquina acabaria sendo ultrasecreta, é claro, e cairia na mão de serviços de inteligência de alguns pouquíssimos países privilegiados (leia-se EUA e Israel). Eu sei que é difícil de imaginar, mas por um momento, esforce-se agora, suponha que essa máquina pudesse ser usada de forma idônea por todos os tribunais do mundo.

Prepare-se. Alguns dos mistérios do universo começariam a ser revelados, e perguntas que você já se fez milhares de vezes seriam respondidas... Por exemplo:

1. De Sanctis sabia sobre a Abin? De Grandis não sabia de nada? O que eles sabiam De Verdadis?

2. Daniel Dantas, Naji Nahas, Celso Pitta, só para citar alguns, andaram favorecendo que políticos, além si mesmos (já que todos sabem que os citados são bandidos tão perigosos quanto Fernandinho Beiramar)?

Para não falar nas grandes perguntas que todos querem saber sobre o destino do universo:

3. A Terra já teria sido invadida por alienígenas? Por vampiros? FHC, Lula, Obama,
Sarkozy... O que eles estão escondendo sobre o assunto? Seria José Serra um ET ou um vampiro?

4. Quem matou Odete Roitman? (Aquela história de que foi a Cássia Kiss, ainda não engoli.)

5. Quem realmente foi o primeiro casal? Porque tem uma história que diz que Caim foi para uma cidade cheia de gente. De onde é que veio tanta gente? O papa e o bispo Edir Macedo precisam contar essa história melhor... Volte para o item 3. caso queira pensar mais um pouco no assunto...

6. O que Lula realmente sabia? O que PC Farias realmente sabia? O que Leonardo da Vinci realmente sabia? O que Darth Vader realmente sabia? Tudo indica que as peças de onde está o túmulo de Maria Madalena estão se encaixando e logo o mistério da humanidade será respondido acerca do cálice sagrado e dos cavaleiros da távola redonda.

Enfim... Saber sobre verdadezinhas pouco me importa... Máquinas de ler pensamentos acabariam se transformando em equipamentos a serviço do nazismo... Se as pessoas mentissem um pouco menos, talvez a situação se resolvesse mais depressa... E talvez se fosse proibido uma pessoa utilizar-se de tantos advogados, habeas corpus, prisões "palacetes" e tantos recursos em troca de dinheiro, veríamos um pouco do cumprimento da justiça...

terça-feira, 3 de março de 2009

Ontem, asteroide passou de raspão pela Terra

Veja a reportagem completa em

Portal G1

Obrigado ao Filipe Luna por avisar. (Eu até estava discutindo isso com o Lucas Pedron há uns dias atrás... Hehehe, coincidência.)

Um comentário: asteroides de grande porte (com mais de 500 m de diâmetro) poderiam ser identificados com maior facilidade bem antes da sua passagem pelo planeta. O problema são esses asteroides menores, de ~ 50 m, que apesar de pequenos, podem causar resultados devastadores caso se choquem com o planeta: caindo no mar, por exemplo, poderiam criar um tsunami gigante.