terça-feira, 29 de junho de 2010

Pesquisa da physicsworld.com confirma que principais cientistas suportam o fator antropogênico nas mudanças climáticas

O physicsworld.com publicou um trabalho mostrando que os cientistas que menos acreditam em aquecimento global são os cientistas com produção mais pífia e com pouca credibilidade no meio acadêmico.

A maioria dos cientistas sérios, com grandes trabalhos publicados, tendem a pensar que o aquecimento global de fato é produzido por atividades humanas (fator antropogênico).

A pesquisa foi coordenada por William Anderegg da Stanford University e consultou 1372 cientistas do clima em todo o mundo. 97% deles assumiram que tudo indica que realmente fatores antropogênicos tem criado mudanças climáticas sérias. Os 3% restantes, ditos céticos, demonstraram ter uma produção científica muito aquém daqueles que suportam o fator antropogênico.

Em resumo, quando eu ouço uma voz contrária à ideia do fator antropogênico, acho interessante que isso aconteça, mas o que me entristece é que muita gente acaba acreditando mais no grito isolado do que no côro científico de uma comunidade bem embasada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário